Quentão

O "quentão" é o grogue típico das "Festas Juninas", principalmente nas regiões mais frias do sul do país. O seu aroma é irresistível: doce e ao mesmo tempo picante, e é tradicionalmente servido em canecas de barro, de louça ou de vidro grosso, que conservam bem o calor. 
O quentão é uma bebida caipira muito popular, surgida provavelmente no interior de São Paulo e de Minas Gerais e, na falta de informações precisas, atrevo-me a supor que seja uma versão do vinho quente e dos grogues europeus, preparada com o destilado nacional - a cachaça. O uso de " cachaça" tornou-se sinônimo de "brasilidade" contra o domínio Português nos séculos XVIII e XIX e, após a "Semana de Arte Moderna" de 1922, um dos símbolos da autonomia cultural brasileira. 
A palavra "quentão" é derivada de "quente", e passou a designar a "bebida preparada com aguardente de cana fervida com gengibre, canela e açúcar" no início século XX (Alice Pereira Santos). 

Fontes: 
• Amadeu Amaral, "O Dialeto Caipira". "Domínio Público".  (Acessado em 02.01.2014)  
• "Cachaça de Minas e desenvolvimento rural: uma análise do Cooperativismo como impulso para o agronegócio". "Agência Emprapa de Informação Tecnológica". (Acessado em 30.12.2013) 
• Alice Pereira Santos, "Polissemia dos sufixos aumentativos…". Universidade de São Paulo. (Acessado em 02.01.2014)

Ingredientes

  • • 250 ml de cachaça
  • • 125 g de açúcar, aproximadamente
  • • um pedaço de gengibre, cerca de 10 g
  • • 3 cravos-da-Índia, a gosto
  • • 1 pau de canela, a gosto
  • • ½ limão cortado em rodelas, a gosto
  • • 250 ml de água fervendo

Preparo

1. Colocar o açúcar numa panela e, mexendo com uma colher de pau, deixar derreter em fogo baixo até virar um caramelo de cor dourada clara. A cor do caramelo vai determinar a cor do quentão. 
2. Acrescentar o gengibre descascado e cortado em fatias, os cravos-da-Índia, a canela em pau, o limão e a água fervendo. Levantar o fogo e deixar ferver, mexendo de vez em quando, até o caramelo dossolver bem. 
3. Por último juntar a cachaça, misturar bem e deixar ferver por cerca de 5 minutos. Se o "quentão" ficar muito forte adicionar um pouco mais de água fervendo. 
4. Filtrar e servir bem quente em canecas pequenas de barro, de louça ou de vidro grosso, que conservam bem o calor.  
5. É mais gostoso quando preparado e servido na hora, mas pode ser feito com antecedência de algumas horas e esquentado na hora de servir. 

Variação: acrescentar a casca de uma laranja ou uma laranja cortada em rodelas.  

Rendimento: cerca de 6 "quentões".
Postado em : 11 Gennaio 2014
As cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, aceita o uso de cookies. Mais informações