Esfiha fechada

A paternidade da “esfiha” é reclamada pelo Líbano e remonta aos primórdios da história de pão, quando começou a ser servido coberto de carne e cebola. Acredita-se também que a "esfiha fechada" seja uma evolução do prato original quando ele já tinha chegado no Ocidente, e por que não no Brasil? 
Servida com suco de limão e pimenta é um delicioso tira-gosto e, acompanhada de uma boa salada, pode ser uma refeição completa. 

Ingredientes

  • Para a massa:
  • • 30 g de fermento de pão
  • • 2 colherinhas de chá de açúcar
  • • 270 ml de leite morno
  • • 2 colherinhas de chá de sal
  • • 150 ml de óleo de milho
  • • 500 g de farinha de trigo, aproximadamente
  • Para o recheio:
  • • 500 g de carne bovina moída
  • • suco de ½ limão
  • • 1 tomate maduro
  • • ½ cebola
  • • ¼ de pimentão
  • • óleo, sal e pimenta
  • Para pincelar:
  • • 2 gemas
  • • 1 colher de sopa de azeite

Preparo


Preparo da massa: 
1. Dissolver o fermento com o açúcar e o leite morno e deixar crescer em um lugar protegido do vento e do frio (o forno apagado é ótimo para isto) por 15 - 30 minutos.  
2. Unir o óleo, o sal e a farinha. 
3. Amassar bem os ingredientes e deixar crescer até dobrar de tamanho. 

Preparo do recheio:  
1. Picar a cebola e o pimentão e refogar com um pouquinho de óleo. Na receita original a cebola e o pimentão são utilizados crus, mas é um pouco indigesto para algumas pessoas. 
2. Picar os tomates, juntar todos os ingredientes do recheio e misturar bem.  
3. Temperar com sal e pimenta. 

Montagem das "esfihas":  
1. Estender delicadamente a massa numa espessura de aproximadamente 2 mm.  
2. Cortar discos de 10 cm de diâmetro. Podem ser feitas em qualquer tamanho... 
3. Colocar uma colherada de recheio no centro de cada disco e fechar dobrando as bordas da massa sobre o recheio para formar um triângulo.  
4. Colocar as “esfihas”, com a parte do fechamento para baixo, em uma assadeira forrada com papel manteiga.  
5. Pincelar com as gemas ligeiramente batidas com o azeite e deixar descansar até as "esfihas" ficarem bem crescidas.  
6. Assar a 200°C por aproximadamente 25 minutos, até ficarem bem douradas.  
7. Podem ser congeladas assadas e aquecidas na hora de servir. 

Rendimento: 35 "esfihas".
Postado em : 11 Novembre 2011
As cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, aceita o uso de cookies. Mais informações